FIM DAS MULTAS?

Limitador de velocidade será obrigatório em automóveis na Europa

Modelos já lançados devem se adaptar às normas até 2024.

Velocímetro de um carro.
Limitador de velocidade impedirá veículo de atingir altas velocidades Imagem: Digital Buggu/Reprodução

A partir deste mês, todos os novos automóveis lançados na Europa deverão conter uma tecnologia que alerta o motorista quando o limite de velocidade permitido for ultrapassado. A União Europeia também deu prazo até 2024 para que o equipamento seja instalado em todos os modelos antigos.

Chamado de Assistente de Velocidade Inteligente (Intelligent Speed Assistance – ISA), o equipamento é capaz de avisar o motorista e até mesmo travar o acelerador quando o veículo atinge o limite de velocidade permitido na via. Para isso, o assistente usa câmeras externas acopladas ao carro que identificam placas de sinalização, além de usar também informações de mapas on-line e deep learning (aprendizado avançado de máquina com base em algoritmos).

Legislação sobre o limitador de velocidade

O regulamento sobre o novo assistente diz que o automóvel deve emitir um alerta sonoro ou avisar o condutor por meio de uma vibração no volante. Em uma atitude mais drástica, as montadoras também podem equipar os carros com um sistema digital que reduz a velocidade automaticamente ou até mesmo implementar um mecanismo que levante o pé do motorista do acelerador.

O limitador de velocidade, no entanto, é subordinado ao motorista. A nova legislação europeia diz que os condutores poderão ignorar os avisos pisando mais forte no acelerador. Se o sistema de avisos ficar muito incômodo, o motorista pode ainda optar por desligá-lo completamente. Isso ocorre porque em alguns lugares a má qualidade da sinalização de trânsito pode induzir o assistente inteligente ao erro, como por exemplo em placas vandalizadas ou em dias com muita chuva e neve.

Até julho de 2024, todos os novos veículos devem estar equipados com o limitador de velocidade. Segundo a Comissão Europeia, 30% de todos os acidentes fatais estão relacionados ao excesso de velocidade no trânsito.

Sem novidades

Os limitadores de velocidade já eram esperados por algumas montadoras. A Volvo e a Renault já tinham anunciado que seus modelos seriam limitados a 180km/h. Tais medidas eram parte dos planos para reduzir as mortes e acidentes graves em seus veículos. Vale observar também que carros elétricos já têm velocidade limitada, também de 180km/h, para conservar as baterias.

Fonte: Car Scoops