UAI

Bateria 'infinita' em carro elétrico? É mais uma picaretagem!

"Já estão oferecendo, no mercado internacional, um equipamento que, supostamente, faz aumentar a autonomia, o alcance, do carro elétrico"

Publicidade
SIGA NO google-news-logo
Baterias dos carros elétricos estão cada vez mais eficientes
Baterias dos carros elétricos estão cada vez mais eficientes Foto: Baterias dos carros elétricos estão cada vez mais eficientes

Você já deve ter me ouvido falar sobre a pi-ca-re-ta-gem dos economizadores de combustível. Eu já cansei de criticá-los (quaisquer que sejam eles) aqui: afinal, no dia em que houver um bom economizador, pode ter certeza de que a fábrica será a primeira a instalá-lo nos carros zero-quilômetro. Pois quem é que não quer reduzir o consumo do automóvel, não é mesmo?

Existe até economizador à base de um gerador de hidrogênio. Imagine só: o gerador de hidrogênio, em teoria, é ótimo, porque ele fornece hidrogênio (H2) para o motor. Mas o caso é que ele acaba com a bateria do carro.

E, por falar em bateria, surgiu, agora, uma pi-ca-re-ta-gem que nem mesmo eu imaginava que pudesse acontecer: já estão oferecendo, no mercado internacional, um equipamento que, supostamente, faz aumentar a autonomia, o alcance, do carro elétrico. Dá para acreditar?

Desenvolvimento do carro elétrico avança rapidamente

volkswagen id2 id2all conceito motor e baterias de frente
Baterias dos carros elétricos estão cada vez mais eficientes

Milhares de engenheiros, de dezenas de fabricantes de veículos, estão pesquisando e estudando a fundo a evolução das baterias. Isso, para conseguir o máximo alcance possível, de 500km, 600km ou até de 700km. Porque, no fim das contas, esse é o calcanhar de Aquiles do carro elétrico: a autonomia.

Quanto maior for a autonomia, mais longa será a distância que o carro elétrico poderá rodar sem precisar recarregar a bateria. Se o alcance for de 2.000km, por exemplo, será possível viajar por um trajeto de 500km, ida e volta, sem qualquer problema.

Por isso, as baterias estão cada vez mais eficientes e empregando materiais nobres. O lítio é um deles, e há várias outras matérias-primas sendo pesquisadas no mundo inteiro, justamente para se obter uma bateria que forneça, durante o maior tempo possível, a energia elétrica que o carro precisa para se movimentar.

Agora, aparece gente vendendo equipamento que promete aumentar, milagrosamente, esse alcance. Cá para nós: é muita cara de pau!

Se você gostou desse vídeo, não se esqueça de se inscrever nos canais do VRUM no YouTube e no Dailymotion.  Lembrando que o VRUM está também no Facebook, no Instagram e no Twitter.