Volvo quer revolucionar forma de levar bebês com segurança nos carros

Marca sueca exibe conceito da cadeirinha no banco da frente, voltada para o motorista e passageiro de trás. Há um sistema para ajudar as crianças a dormir

Volvo quer revolucionar forma de levar bebês com segurança nos carros Marca sueca exibe conceito da cadeirinha no banco da frente, voltada para o motorista e passageiro de trás. Há um sistema para ajudar as crianças a dormir

Para a marca sueca, esse tipo de configuração será o futuro para o transporte de crianças

A equipe de design da Volvo apresentou neste mês na China uma nova proposta para o transporte de bebês e crianças em veículos no futuro. Ao invés de cadeirinhas nos bancos traseiros, os pequenos serão levados na poltrona do passageiro da frente, que será transformada num equipamento de segurança apropriado. A ideia pode parecer esquisita, mas em se tratando da montadora sueca, que é referência do assunto, deve estar correta.

VEJA FOTOS DO VOLVO XC90!

https://youtube.com/watch?v=EmidDG-q8g8%3Frel%3D0

Para elaborar o conceito, a marca adaptou o interior do novo XC90 Excellence, versão top de linha do SUV, onde a poltrona do passageiro vira uma cadeirinha. “Nós pensamos numa forma de deixar a vida mais fácil para os pais e segura para as crianças. Focamos em três principais benefícios: tornar mais fácil colocar e retirar a criança da cadeira com mais conforto e ergonomia, posicionar o bebê na posição contrária à direção, permitindo o contato visual com o motorista e passageiro e incluir espaço para levar acessórios como fraldas e garrafas”, conta Tisha Johnson, chefe de design de interior da Volvo.

Cadeirinha acoplada ao banco dianteiro rotaciona para facilitar acesso à criança

O conceito também oferece uma função para ajudar as crianças pequenas se apoiar com segurança de volta e dormir. A orientação da marca é que as crianças sejam transportadas voltadas para trás o maior tempo possível, pelo menos até os três ou quatro anos. Isto é principalmente devido à falta de força muscular nos pescoços de crianças pequenas, numa situação de frenagem.

 

No Brasil, a obrigação é apenas até um ano de idade. Além disso, crianças só podem ser levadas em cadeirinhas ou assentos no banco da frente em situações de exceção. É o caso de caminhonetes cabine simples, ou quando os bancos traseiros estão ocupados com outras crianças. Na Europa, contudo, é permitido levar bebês no banco da frente nos equipamentos.

“Demos o próximo a frente na redefinição de como o interior de um carro pode ser usado para atender às necessidades dos nossos clientes, com o foco na segurança da criança”, ressalta Tisha.

A proposta da Volvo ainda está na fase conceitual e sem previsão de quando será aplicada na produção de série.

 

E POR FALAR NO XC90, VEJA FOTOS DO MODELO: