UAI

Stellantis faz parceria com marca chinesa para produzir elétricos populares

Grupo Stellantis investiu quase R$ 8 billhões em nova Joint Venture com a Leapmotor

Publicidade
SIGA NO google-news-logo
Acordo permitirá que os veículos da Leapmotor sejam construídos nas fábricas da Stellantis em todo o mundo
Acordo permitirá que os veículos da Leapmotor sejam construídos nas fábricas da Stellantis em todo o mundo Fotos: Acordo permitirá que os veículos da Leapmotor sejam construídos nas fábricas da Stellantis em todo o mundo

O Grupo Stellantis é composto por 14 marcas – entre as mais famosas estão Fiat, Peugeot, Citroën, RAM e Chyrsler. Agora, o grupo contará com mais um integrante: a Leapmotor, uma startup chinesa de carros elétricos.

Em comunicado oficial, a Stellantis anunciou que adquiriu uma participação de 20% na Leapmotor em troca de um investimento de cerca de R$ 1,5 bilhão de euros – algo em torno de quase R$ 8 bilhões pelas cotações atuais. Com a parceria, a fabricante pretende usar as tecnologias da startup para investir em novos carros elétricos mais baratos (com preço dos chineses), além de vender e exportar os veículos Leap para todos os mercados fora da China.

A expectativa é que as vendas internacionais da Leapmotor comecem no segundo semestre de 2024, chegando, primeiramente, na Europa e, posteriormente, em outros mercados pelo mundo, como o nosso.

"A parceria visa impulsionar ainda mais as vendas da Leapmotor na China, o maior mercado do mundo, ao mesmo tempo que aproveita a presença comercial global da Stellantis para acelerar significativamente as vendas da marca Leapmotor em outras regiões, começando pela Europa"

Stellantis em comunicado

Com o novo negócio, a Stellantis também busca acelerar o cumprimento das principais metas de eletrificação do Dare Forward 2030, o plano estratégico do grupo que visa "a liberdade da mobilidade de ponta".

De acordo com Carlos Tavares, CEO da Stellantis, o acordo permitirá que os veículos da Leapmotor sejam construídos nas fábricas da Stellantis em todo o mundo.

Como é a nova marca adquirida pela Stellantis?

A Leapmotor, com apenas três modelos no portfólio, vendeu cerca de 111 mil carros em 2022. Este ano, a quantidade já foi superada em setembro. O número parece pequeno se comparado ao desempenho da Stellantis, mas, considerando o mercado chinês já saturado de veículos elétricos, ele é considerável.

No seus carros, a startup usa a plataforma Leap 3.0 (também chamada de Four-Leaf Clover), que suporta os carros elétricos unicamente a bateria (BEV) e os EREVs. Estes correspondem a um tipo de elétrico que apresenta um pequeno motor a combustão (não conectado às rodas, como no caso dos PHEVs) e só funciona como um gerador de energia para a bateria.

Os três modelos Leapmotor à venda hoje são o SUV C11, o sedã C01 e o hatch T03. Há também o SUV Leapmotor C10, revelado no IAA 2023 em Munique, mas ainda não disponível para compra. Todos são disponibilizados em versões BEV e EREV.

  • Confira os vídeos do VRUM nos canais do YouTube e Dailymotion: lançamentos, testes e dicas