Rolimã – Sobre carros e comediantes

O comediante norte-americano Jerry Seinfeld tem petróleo na cabeça. Apaixonado por automóveis, o ator é figurinha fácil em eventos automotivos, em especial os de antigomobilismo. Ainda mais depois do sucesso estrondoso da série Seinfeld, que lhe rendeu muitos milhões e a oportunidade de colocar raridades de todos os tipos na garagem. Agora, o comediante prepara

O comediante norte-americano Jerry Seinfeld tem petróleo na cabeça. Apaixonado por automóveis, o ator é figurinha fácil em eventos automotivos, em especial os de antigomobilismo. Ainda mais depois do sucesso estrondoso da série Seinfeld, que lhe rendeu muitos milhões e a oportunidade de colocar raridades de todos os tipos na garagem. Agora, o comediante prepara uma nova série, com estreia marcada na televisão americana para quarta-feira. Por isso mesmo, dedicamos o Rolimã a Seinfeld e sua vida automotiva.

VAMOS TOMAR UM CAFÉ?

A nova série se chama Comedians in cars getting coffe (Comediantes em carros indo tomar um café). O show vai ao ar em breve, mas já podemos ver pelo trailer que não vai faltar nem comediante nem carro e tampouco café. No teaser (imagem provocativa) aparece uma frota de fazer inveja e surpreender tanto pela qualidade quanto pela variedade. De cara, Jerry entra em um antigo Mercedes-Benz Classe S. São raridades como Mercedes Pagoda, Triumph TR6, Austin-Healey 3000, Dodge Challenger 340 e até um simpático Volkswagen Fusca das primeiras levas.

CARONAS ENGRAÇADINHOS

Sendo assim, não podem faltar grandes nomes da comédia. Os caronas são os mais engraçados possíveis. Alec Baldwin, que se reinventou na série 30 Rock, é um deles. Além de alguns parceiros da própria série Seinfeld. Caso de Michael Richards, o amalucado Kramer, além de Larry David, que, além de ser cocriador do seriado, também é estrela da série Curb your enthusiasm e de Tudo pode dar certo , de Woody Allen.

NADA MESMO

Seinfeld despontou mesmo na série homônima criada por ele e Larry David. Exibida entre 1989 e 1998, o seriado fez sucesso com base em um enredo sobre o “nada”. Parece esquisito, mas o fato é que Seinfeld não tinha um enredo predefinido, sempre foi baseado em situações cotidianas. Foi na série que Seinfeld destilou sua paixão sobre automóveis. Durante as nove temporadas, diversas marcas tiveram presença de destaque. O próprio Jerry dirigiu durante um bom tempo modelos da alemã BMW e da sueca Saab. Além das imagens de esportivos penduradas na parede da sala do seu apartamento. Coisa de quem cresceu com carros na cabeça.

STAND-UP

Antes da série, Seinfeld já mandava bem no stand-up comedy, aquele tipo de show em que o comediante fica de pé diante do público, armado apenas com piadas sagazes. O estilo dele fez sucesso em aparições na televisão. A herança do stand-up ficou na série, que contava com inserções desse estilo de comédia. Nessas, volta e meia o automóvel era a piada. Nada escapava dos comentários argutos. Como a denominação LTD, de Limited, aplicada no Ford Crow Victoria. Seinfeld expôs a incoerência: “Limitado a quê? A quanto nós conseguirmos fazer?”

PORSCHEMANÍACO, EU?

Curiosamente, Seinfeld não se rende a nenhum desses fabricantes. A paixão do astro é voltada aos Porsches. Fã confesso da marca alemã, Jerry chega a participar de ações de lançamento ou de promoção. Além de posar ao lado de algumas de suas raridades, como esse Porsche 550S, o americano também bate ponto em eventos de antigomobilismo, como Pebble Beach. Sempre dirigindo alguns dos carros mais cobiçados da parada. Esse Porsche 908 não nos deixa mentir. Gerou até o olhar nada discreto do tiozinho ao lado, ao volante de um Aston Martin DB6 conversível.

PERDIDOS NO SHOPPING

Como boa comédia de situações (sitcom), Seinfeld contou com muitos episódios sobre a convivência com automóveis. Tudo capitaneado pelo quatrilho formado pelo próprio Jerry, George Costanza (Jason Alexander), Elaine Benes (Julia Lois-Dreyfus) e Cosmo Kramer (Michael Richards). São situações insólitas, embora realistas, como a busca infindável de um carro perdido no estacionamento de um shopping. O sentimento arrebatador de se encontrar a vaga perfeita na rua gerou mais de um episódio. Ou até um cheiro horrível que não saía de jeito nenhum de um BMW Série 5. Sem falar nas confusões envolvendo serviços mecânicos. Qualquer coisa virava o mote em Seinfeld.

SE PAGAR BEM

Claro que a predileção de Seinfeld varia conforme acordos publicitários. Nesse caso, Jerry deixa seus Porsches em casa para fazer publicidade de outras marcas. Como foi no Super Bowl deste ano. No intervalo da final do grande campeonato de futebol americano, os comerciais são disputados. E Seinfeld acabou virando garoto-propaganda da Acura, marca de luxo do grupo Honda, que está investindo pesado para promover o novo NSX, que também apareceu no filme Os vingadores. Será que Jerry deixaria o seu Porsche em casa? Como o próprio diria diante de qualquer situação, “eu acho que não”.