Primeiro trimestre fecha com queda de 24,75% nos emplacamentos de veículos

A retração é resultado da comparação dos números obtidos nos três primeiros meses deste ano com o mesmo período de 2021. Confira os modelos mais emplacados

Primeiro trimestre fecha com queda de 24,75% nos emplacamentos de veículos A retração é resultado da comparação dos números obtidos nos três primeiros meses deste ano com o mesmo período de 2021. Confira os modelos mais emplacados

As vendas em março foram melhores do que em fevereiro e a picape Strada permanece como o modelo mais emplacado

 

A Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave) divulgou os números dos emplacamentos no mercado brasileiro em março, revelando que houve aumento em relação a fevereiro, mas queda se comparado ao mesmo mês em 2021. No acumulado dos dois anos, comparando os números de emplacamentos do primeiro trimestre, a queda neste ano foi de 24,75%. Entre os modelos mais emplacados, a liderança continua com a picape Fiat Strada, seguida pelo Hyundai HB20.

De acordo com o relatório mensal da Fenabrave, em março foram emplacados 134.904 automóveis e comerciais leves, contra 123.035 em fevereiro, representando um crescimento de 9,65%. Mas se o resultado for comparado com março de 2021, quando foram emplacadas 177.080 unidades de automóveis e comerciais leves, a queda foi de 23,82%. No primeiro trimestre deste ano, foram emplacadas 377.533 unidades de automóveis e comerciais leves, contra 497.812 unidades no mesmo período do ano passado, representando queda de 24,75%.

No segmento de automóveis, a General Motors liderou em março com 15,37% de participação, sendo seguida pela Fiat (13,49%), Hyundai (13,01%), Toyota (12,03%) e Volkswagen (11,47%), as cinco primeiras no ranking. Já no segmento dos comerciais leves as posições se invertem e a Fiat aparece em primeiro lugar com 53,92%, deixando a concorrência bem para trás: Toyota (14,90%), General Motors (9,64%), Mitsubishi (4,11%) e Ford (3,93%).

Na soma de automóveis e comerciais leves, a Fiat também lidera, com participação de 21,48% nos emplacamentos em março, seguida pela GM (14,24%), Toyota (12,60%), Hyundai (10,55%) e VW (9,46%), considerando apenas as cinco primeiras do ranking.

No segmento de automóveis, o Hyundai HB20 hatch é o modelo mais emplacado no acumulado do ano

DEZ MAIS EMPLACADOS Em março, de acordo com a Fenabrave, a lista de modelos mais emplacados continua com a Fiat Strada na liderança, com 7.567 unidades. Em seguida aparecem Hyundai HB20 (6.908), Fiat Mobi (6.581), VW T-Cross (6.549), Chevrolet Onix (5.421), Chevrolet Tracker (4.748), Jeep Compass (4.724), Fiat Toro (4.442), Toyota Corolla Cross (4.318), Hyundai Creta (4.238) e Toyota Corolla (4.196).

No acumulado dos três primeiros meses de 2022, a liderança permanece com a Fiat Strada, com 21.693 unidades emplacadas. O ranking traz ainda, completando as 10 primeiras posições, Hyundai HB20 (18.761), Chevrolet Onix (17.348), VW T-Cross (15.588), Jeep Compass (14.235), Fiat Mobi (13.325), Hyundai Creta (12.667), Chevrolet Onix Plus (12.181), Renault Kwid (11.402) e Jeep Renegade (11.103).

Entre os modelos de entrada, os “mais baratos”, o Fiat Mobi lidera nos emplacamentos

HATCHES DE ENTRADA No segmento dos carros “mais baratos” do mercado brasileiro, o Fiat Mobi foi o destaque em março, com 6.581 unidades emplacadas, registrando crescimento nas vendas em relação a fevereiro. Em seguida aparecem Renault Kwid (3.585) e Volkswagen Gol (1.193), ambos com queda nas vendas em relação a fevereiro. No acumulado do ano, o Mobi lidera com 13.325 unidades emplacadas, contra 11.402 do Kwid e 6.355 do Gol.

O Hyundai HB20 é líder no segmento de hatches compactos premium

HATCHES PREMIUM Neste segmento, destaque para o Hyundai HB20, que vem crescendo em vendas e acumula 18.761 unidades emplacadas no primeiro trimestre. O ranking continua com o Chevrolet Onix (17.348), Fiat Argo (10.130), Peugeot 208 (6.185), Toyota Yaris HB (5.149), Honda City Hatch (2.195), Renault Sandero (1.729) e VW Polo, com apenas 1.050 unidades emplacadas em três meses. Só não está pior do que o hatch médio Chevrolet Cruze Sport6, que teve 269 unidades emplacadas no mesmo período.

O Fiat Siena é o mais emplacado entre os sedãs compactos de entrada

SEDÃS COMPACTOS DE ENTRADA Neste segmento temos basicamente três competidores. O Fiat Siena lidera nos emplacamentos acumulados dos três primeiros meses do ano com 3.601 unidades. Depois, aparecem o Renault Logan, com 2.782 unidades e o jurássico VW Voyage, com apenas 788.

Chevrolet Onix Plus é o líder no ranking dos sedãs compactos premium

SEDÃS COMPACTOS PREMIUM O líder no acumulado do ano é o Chevrolet Onix Plus, com 12.181 unidades emplacadas. Em seguida, aparecem o Hyundai HB20S (6.763), Honda City (5.362), Fiat Cronos (3.369), Toyota Yaris Sedan (3.036), Nissan Versa (2.710) e VW Virtus (1.347).

Líder inabalável, o Toyota Corolla não é incomodado pela concorrência há anos

SEDÃS MÉDIOS Nada de novo neste segmento, que tem perdido clientes para os SUVs, mas a liderança permanece a mesma há alguns anos. O modelo mais emplacado nos três primeiros meses do ano é o Toyota Corolla, com 9.110 unidades. O Honda Civic é o segundo, com 1.860 unidades, seguido por Chevrolet Cruze (1.689) e Chery Arrizo6 (621).

O VW T-Cross mostra sua força e ultrapassa modelos importantes entre os SUVs compactos

SUVS COMPACTOS Na dança das cadeiras desse segmento, o VW T-Cross vem aumentando suas vendas e ampliando a vantagem em relação aos concorrentes. O modelo teve 15.588 unidades emplacadas no acumulado do trimestre, contra 12.667 do Hyundai Creta, 11.103 do Jeep Renegade, 10.683 do Chevrolet Tracker, 8.729 do Fiat Pulse, 7.015 do VW Nivus, 5.408 do Nissan Kicks, 4.984 do Renault Duster, 4.794 do Citroën C4 Cactus e 3.107 do Honda HR-V.

No segmento de SUVs médios, o Jeep Compass segue na liderança

SUVS MÉDIOS O líder absoluto continua sendo o Jeep Compass, que teve 14.235 unidades emplacadas nos três primeiros meses do ano. Mas o Toyota Corolla Cross vem se aproximando e tem 10.584 unidades emplacadas no mesmo período. Depois surgem o Chery Tiggo 5X, com 2.346 unidades e o VW Taos, que ainda não desencantou, com 2.074 unidades.

A picape Strada teve 7.567 unidades emplacadas em março e no acumulado do ano chegou a 21.685 unidades

PICAPES COMPACTAS Neste segmento, a Fiat Strada nada de braçada, já que praticamente não tem concorrentes. O modelo lidera o ranking de emplacamentos do primeiro trimestre de 2022 com 21.685 unidades, uma diferença esmagadora para a VW Saveiro, que só teve 1.528 unidades vendidas no mesmo período. Enquanto a concorrência não se mexe e lança novos produtos no segmento, a Strada segue tranquila.

Já a Fiat Toro emplacou 10.990 unidades no primeiro trimestre, enquanto a concorrente Renault Oroch apenas 2.221

PICAPES INTERMEDIÁRIAS Outro segmento que só dá Fiat. A Toro também permanece como a mais emplacada e nos três primeiros meses do ano teve 10.990 unidades vendidas, de acordo com o relatório da Fenabrave. Em seguida aparece a Renault Oroch, com apenas 2.221 unidades emplacadas, mas na semana que vem a linha 2023 da picape intermediária da marca francesa chega trazendo novidades, com retoque no visual e nova motorização. E marcando presença no segmento, a Ford Maverick teve apenas 70 unidades emplacadas no ano.

No segmento de picapes médias não houve alteração: a Toyota Hilux é líder isolado

PICAPES MÉDIAS A Toyota Hilux mantém a liderança, com 9.488 unidades emplacadas de janeiro a março. Em seguida, aparecem Chevrolet S10 (5.561), Ford Ranger (3.010), Mitsubishi L200 (2.715), Nissan Frontier (2.149) e VW Amarok (1.711). Parece ser difícil algum modelo ameaçar a soberania da Hilux.