Superesportivo

Porsche Carrera GT que Schumacher comprou em segredo está à venda

Heptacampeão tonha contrato de fidelidade quando pilotava para a Ferrari e teve que dar um jeitinho para adquirir o superesportivo alemão

Foto: Elfer Spot/Divulgação
Além de ter um ex-proprietário famoso, veículo ainda está novinho Porsche Carrera GT preto visto de frente dentro de galpão: veículo pertenceu a Michael Schumacher

O Porsche Carrera GT é um dos supercarros mais famosos da primeira década deste século. Isso, graças ao motor 5.7 V10 de 612 cv de potência e à condução à moda antiga, sem auxílios eletrônicos: o modelo tem apenas freios ABS. O câmbio, claro, é manual, com seis marchas. O que dizer, então, de um exemplar que pertenceu a ninguém menos que Michael Schumacher? E olha que o heptacampeão de Fórmula 1 ainda o adquiriu em segredo…

O caso é que, em 2004, ano em que o Porsche Carrera GT em questão foi produzido, Schumacher era piloto da Ferrari. E, por isso, tinha uma espécie de contrato de fidelidade com o Grupo Fiat, então detentor da scuderia italiana. O documento estabelecia que ele só poderia adquirir veículos das marcas do conglomerado.

Porém, ao que parece, Schumacher se encantou pelo Porsche Carrera GT e deu um jeitinho de driblar o contrato: ele registrou o bólido em nome da empresa Weber Management GmbH, que pertencia ao seu então agente, Willi Weber. O veículo foi vendido em 2008, sendo que o segundo proprietário o repassou para a Roock Sportsystem, que é a atual anunciante.

Carro de Schumacher tem procedência comprovada

O anúncio na loja Elfer Spot, responsável pela venda, não informa o valor do veículo. Porém, o valor de unidades em bom estado do Porsche Carrera GT costuma ficar em torno de US$ 1,5 milhão (que equivale a aproximadamente R$ 9,3 milhões). Espera-se que o ex-carro de Michael Schumacher supere esse valor: cabe destacar que o atual proprietário afirma ter toda a documentação de comprovação da procedência.

O Porsche Carrera GT que, de certo modo, pertenceu a Michael Schumacher tem carroceria e rodas pintadas de preto. O interior traz detalhes em vermelho e há um adesivo com as iniciais do ex-piloto no vidro traseiro. Entre os equipamentos, há ar-condicionado, sistema de som e um exclusivo conjunto de malas. Para completar, o veículo rodou apenas 14.200 quilômetros.

Sobre o Porsche Carrera GT

Qualquer Porsche Carrera GT é bastante exclusivo, com apenas 1.270 unidades produzidas entre 2004 e 2005. O superesportivo é capaz de acelerar de zero a 100 km/h em apenas 3,9 segundos e de atingir a velocidade máxima de 330 km/h. Na história do modelo, há um capítulo triste: foi em um veículo semelhante que o ator Paul Walker e seu sócio Roger Rodas morreram em um acidente, em 2013.

Assista ao vídeo e saiba mais sobre o Porsche Carrera GT: