Picape Ram 3500 será lançada no mercado brasileiro ainda este ano

Montadora não confirma o modelo, mas fornece informações que indicam que será a grandalhona 3500, equipada com motor turbodiesel de 400cv

Picape Ram 3500 será lançada no mercado brasileiro ainda este ano Montadora não revela qual modelo chegará ainda este ano ao país, mas informações indicam que será a grandalhona 3500, equipada com motor turbodiesel de 400cv

O teaser divulgado pela marca revela os faróis full LED e as lanternas na cor âmbar no teto

 

O grupo Stellantis tem motivos de sobra para comemorar os bons números de vendas de suas marcas no Brasil, apesar de algumas delas terem a produção comprometida pela falta de semicondutores. Mas no caso da Ram, os números são otimistas – embora com volumes pequenos – e demonstram um crescimento significativo em relação aos resultados obtidos em 2020. E diante desse cenário, executivos da Ram anunciaram hoje que a marca lançará no Brasil, ainda este ano, uma picape mais robusta que os modelos 1500 e 2500, que já são comercializados por aqui. É provável que seja a 3500, com maior capacidade de carga e conjunto mecânico mais forte.

De acordo com Breno Kamei, diretor da Ram para a América Latina, a ideia é “expandir o portfólio e fortalecer a marca ainda mais no país. O executivo não revelou qual modelo será lançado por aqui ainda este ano, mas o teaser (imagem provocativa) apresentado indica que será a grandalhona 3500. “Será uma picape com maior capacidade de carga e reboque, com mais potência e torque, além de sofisticação no acabamento e tecnologia”, revelou Kamei.

A Ram 3500 tem capacidade de carga de duas toneladas e seis metros de comprimento

Pela imagem divulgada, nota-se que a picape tem conjunto óptico com luzes de LED e o nome Ram em destaque na grade. Sobre o teto da cabine, cinco pequenas lanternas de LED na cor âmbar fazem a picape parecer ainda mais com um caminhão, já que também tem dimensões avantajadas. Embora a montadora não revele qual será o conjunto mecânico da versão a ser comercializada no Brasil, especula-se que o motor será o Cummins 6.7 turbodiesel, de aproximados 400cv e 150kgfm de torque. O propulsor deve vir associado ao câmbio automático de seis velocidades. A capacidade de carga da Ram 3500 é de duas toneladas e ela pode rebocar aproximadamente 17 toneladas.

O interior da Ram 3500 traz sofisticação e muita tecnologia, além de conforto para os ocupantes

NO MERCADO A Ram tem, atualmente, 0,84% de participação no mercado brasileiro. Em 2020, foram emplacadas 1.475 unidades da Ram 2500, garantindo a nona posição no ranking das picapes médias/grandes. Neste ano, de janeiro a julho, a marca já emplacou 1.646 unidades da Ram 2500 (1,37% de participação) e 381 unidades da Ram 1500 (0,32%). São os melhores números registrados pela Ram no Brasil desde que se tornou uma marca independente, em 2009.

A Ram 1500 foi lançada há pouco no mercado brasileiro, equipada com motor V8 a gasolina

De acordo com os executivos da marca, o agronegócio ajuda a impulsionar as vendas dos modelos Ram, principalmente a picape 2500, a mais robusta e preferida dos produtores rurais. No Brasil o modelo é vendido na versão Laramine por R$ 428 mil, equipada com motor 6.7 litros turbodiesel de 365cv e 110kgfm de torque. Já a 1500 Rebel tem motor V8 de 5.7 litros, a gasolina, de 400cv e 56,7kgfm de torque, com preço sugerido de R$ 430 mil.

A Ram 2500 tem motor turbodiesel de 365cv e é a preferida dos produtores rurais

Dentro dos planos de expandir a marca no Brasil, a Ram pretende repaginar e ampliar sua rede de concessionárias, que atualmente conta com 52 pontos no país. Os executivos da marca revelaram que outros modelos serão lançados por aqui, incluindo uma versão híbrida da 1500, mas as datas ainda não foram definidas. A ideia é aumentar o leque de produtos, com serviços personalizados para os clientes e uma linha de acessórios nacionais, com preços mais competitivos.