Novo protocolo de avaliação do Latin NCAP chega com exigências mais pesadas

Com validade até o fim de 2024, as novas regras ficam ainda mais próximas às exigidas no Euro NCAP, favorecendo a segurança do motorista, passageiros e terceiros

Novo protocolo de avaliação do Latin NCAP chega com exigências mais pesadas Com validade até o fim de 2024, as novas regras ficam ainda mais próximas às exigidas no Euro NCAP, favorecendo a segurança do motorista, passageiros e terceiros

 

O Programa de Avaliação de Carros Novos para América Latina e o Caribe (Latin NCAP) divulgou os novos protocolos de avaliação que estão em vigor desde o fim de 2019 e vão valer até dezembro de 2024. A principal mudança é que será exigida maior proteção a adultos, crianças e pedestres, além de tecnologias de assistência, com uma única classificação por estrelas englobando todos os quesitos. Alguns modelos comercializados no Brasil já foram avaliados seguindo o novo protocolo, mas os resultados ainda não foram divulgados.

Para o Latin NCAP, um carro seguro é aquele que protege seus ocupantes e também evita acidentes e ferimentos graves com terceiros. Por isso, os protocolos de avaliação devem ser atualizados, acompanhando a evolução dos projetos de segurança dos carros. O novo protocolo não terá mais classificação por estrelas distinta para adultos e crianças. Será uma classificação única, integrando quatro aspectos: Proteção de Ocupante Adulto, Proteção de Ocupante Infantil, Proteção de Pedestres e Usuários Vulneráveis de Estradas e Tecnologias de Assistência de Direção.

Na prática, para alcançar uma boa pontuação na avaliação, o veículo terá que apresentar bom desempenho em todos os quesitos. Se for mal em apenas um aspecto e bem nos demais, fica com o resultado geral comprometido. Outra novidade é que o controle eletrônico de estabilidade (ESC), o aviso de uso de cintos de segurança dianteiros e traseiros, a proteção a pedestres e a melhor proteção contra impactos laterais passam a ser considerados como itens de relevância no novo protocolo.

ASSISTÊNCIA Sistemas de auxílio à condução com foco na segurança, como frenagem autônoma de emergência (AEB) e tecnologias preventivas, como detecção de veículo no ponto cego (BSD), assistente de permanência em faixa (LKA) e disponibilidade de detecção de borda de estrada (Road Edge Detection – RED), serão computados como ponto positivo para os avaliados. Ou seja, a partir de agora, modelos que não trazem o controle de estabilidade ou que não ofereçam proteção a pedestres, por exemplo, correm o risco de receber poucas estrelas na avaliação.

De acordo com o Latin NCAP, para obter cinco estrelas será necessária pontuação de 75% na proteção de adultos; pelo menos 80% em proteção de crianças; pelo menos 50% em proteção de pedestres e VRU, e pelo menos 75% em tecnologias de assistentes de segurança. E para apertar ainda mais o nível de exigência nas avaliações, o Latin NCAP anunciou que aumentará a porcentagem de pontos necessários em cada aspecto ao longo dos anos para atingir os níveis de classificação por estrelas.

O Latin NCAP informou ainda que os fabricantes de automóveis estão cientes sobre o novo protocolo desde o início de 2017, quando as regras foram divulgadas. A entidade informou que modelos avaliados anteriormente podem ter sua classificação alterada para melhor ou pior, variando de acordo com o desempenho na nova avaliação. Para saber quantas estrelas um modelo obtém com o novo protocolo é preciso realizar a avaliação completa, considerando os novos aspectos.

LISTA COMPLETA DE AVALIAÇÕES

1 – Proteção de Ocupantes Adultos
– Impacto frontal
– Impacto lateral
– Impacto lateral de poste
– Frenagem autônoma de emergência (baixa velocidade)
– Whisplash (chicote cervical)
– Folha de resgate

2 – Proteção de Ocupantes Crianças
– Impacto frontal
– Impacto lateral
– Avaliação de veículos
– Instalação de sistemas de retenção infantil

3 – Proteção de pedestres e usuários vulneráveis de estradas
– Atropelamento de Pedestres
– Frenagem autônoma de emergência (para usuários vulneráveis de estradas)

4 – Sistemas de Assistentes de Segurança
– Lembrete do uso de cintos de segurança dianteiros e traseiros
– Controle eletrônico de estabilidade %2b Moose Test
– Detecção de veículo no ponto cego
– Sistema de suporte de pista (Lane Keep Assist – LKA)
– Detecção de borda de estrada (Road Edge Detection – RED)
– Limitador de velocidade
– Frenagem autônoma de emergência (alta velocidade)