General Motors confirma a chegada da nova Chevrolet Montana para 2023

A picape intermediária está em desenvolvimento na fábrica de São Caetano do Sul (SP) e chegará para enfrentar a líder do segmento Fiat Toro

General Motors confirma a chegada da nova Chevrolet Montana para 2023 A picape intermediária está em desenvolvimento na fábrica de São Caetano do Sul (SP) e chegará para enfrentar a líder do segmento Fiat Toro

 

A General Motors confirmou a chegada da nova picape Chevrolet Montana para 2023. O modelo vai inaugurar novo segmento na marca, o de picapes intermediárias, do qual já fazem parte a líder em vendas Fiat Toro, a Renault Duster Oroch e a Ford Maverick. De acordo com a montadora, o desenvolvimento da nova Montana está em ritmo acelerado e vem sendo registrado em uma websérie disponível na página da GM South América no Linkedin.

O anúncio do ano de lançamento da nova Chevrolet Montana foi feito pelo presidente da GM América do Sul, Santiago Chamorro. Em um vídeo de um minuto, o executivo lembra que a fábrica de São Caetano do Sul foi totalmente preparada para se dedicar à produção da picape. De acordo com Chamorro, a Montana terá “design inteligente”, com o máximo aproveitamento de espaço dentro da cabine, oferecendo mais conforto aos ocupantes.

“Já a caçamba trará novas tecnologias que proporcionam maior versatilidade”, revela o executivo. O início da transformação da fábrica de São Caetano do Sul e as fases finais do desenvolvimento do modelo estarão disponíveis em vídeos na página da GM no Linkedin.

A nova Montana chegará para ampliar o leque de opções da família de veículos globais da Chevrolet, que usam a plataforma GEM, composta atualmente pelas atuais gerações do Onix, Onix Plus e Tracker. Mas Chamorro revelou que a nova Montana será o modelo de maior porte da família, sendo classificada pela marca como uma picape médio-compacta.

 

Aos poucos, durante o desenvolvimento do produto, a GM vai revelando detalhes da nova Chevrolet Montana

No Brasil, a nova Chevrolet Montana fará parceria com a média S10, segunda picape mais emplacada no segmento, perdendo apenas para a Toyota Hilux. Mas o novo produto da GM terá que enfrentar a fúria avassaladora dos dois modelos da Fiat que dominam o mercado. O confronto direto será com a Toro, um dos maiores sucessos de vendas da marca italiana nos últimos tempos. E também com a Strada, que apesar de ser menor, se destaca por ser o modelo mais emplacado no país.

A General Motors ainda não revelou os detalhes mecânicos da nova Montana, mas, de acordo com o site Autos Segredos, a picape intermediária será equipada com o mesmo motor do Tracker, o 1.2 turbo flex que desenvolve potências de 132cv (gasolina) e 133cv (etanol), com torques de 19,4kgfm (g) e 21,4kgfm (e). O propulsor poderá ser combinado a um câmbio manual ou automático, ambos de seis marchas.

O site segredista revela ainda que a nova Montana herdará alguns sistemas do Tracker, como os freios, mas terá suspensões com calibragem exclusiva. O modelo trará de série seis airbags, controles de estabilidade e tração e sistema de auxílio de partida em rampa.