UAI
Comparamos

Carro de 7 lugares: Chevrolet Spin X Citroën C3 Aircross

Confira qual modelo de 7 lugares oferece mais nas análises de design, interior, equipamentos, desempenho e conforto na terceira fileira de bancos

Publicidade
SIGA NO google-news-logo
Chevrolet Spin 2025 X Citroën C3 Aircross
Chevrolet Spin 2025 X Citroën C3 Aircross Foto: Divulgação

Ao que tudo indica, ao lançar o Spin 2025, a Chevrolet não quis entrar na briga contra o Citroën C3 Aircross sobre ter o carro de 7 lugares mais barato do Brasil.

Enquanto o Citroën C3 Aircross de 7 lugares começa em R$ 120.990 (versão Feel), o Chevrolet Spin com três fileiras de banco mais barato é o LTZ, vendido a R$ 137.990.

Mas, para ver se esse pacote do Chevrolet Spin de 7 lugares é competitivo, comparamos com a versão de topo do Citroën C3 Aircross (Shine), que tem preço semelhante: R$ 136.590.

Citroën C3 Aircross manda melhor no design

Comparativo entre carros de 7 lugares: Chevrolet Spin 2025 contra Citroën C3 Aircross.
Citroën C3 Aircross Foto: Citroën/Divulgação

O design é o quesito mais subjetivo de um comparativo. Ainda assim, tentamos usar argumentos objetivos para apontar um vencedor. O Citroën C3 Aircross é um projeto novo, com menos de seis meses de mercado, enquanto o Chevrolet Spin, por mais que tenha melhorado, ganhou sua segunda reestilização, já estando longe de um equilíbrio.

Comparativo entre carros de 7 lugares: Chevrolet Spin 2025 contra Citroën C3 Aircross.
Chevrolet Spin 2025 Foto: Chevrolet - Divulgação

Interior do Chevrolet Spin 2025 vence em todos os quesitos

No interior, o banho de loja do Spin 2025 fez muita diferença. As telas justapostas – sendo de 11 polegadas o multimídia e 8 polegadas o quadro de instrumentos digital – dão vantagem ao monovolume da Chevrolet.

Comparativo entre carros de 7 lugares: Chevrolet Spin 2025 contra Citroën C3 Aircross.
Spin 2025 tem telas justapostas, com 11 polegadas no multimídia e 8 polegadas no quadro de instrumentos digital Foto: Chevrolet - Divulgação

O acabamento do Spin 2025 ficou melhor, se sobressaindo em relação ao C3 Aircross, mas sem muita folga. Na verdade, ambos ficam devendo sofisticação, abusando do plástico duro. Nas versões comparadas, o modelo da Chevrolet tem os bancos mesclando tecido e couro, enquanto o da Citroën é todo em couro.

Comparativo entre carros de 7 lugares: Chevrolet Spin 2025 contra Citroën C3 Aircross.
Acabamento do SUV da Citroën abusa do plástico duro, mas o padrão do Spin não é muito melhor Foto: Citroën/Divulgação

O espaço interno dos dois modelos é bem parecido. Apesar de ter 10 centímetros a menos de comprimento, o C3 Aircross tem 5cm a mais de entre-eixos que o Spin.

Comparativo entre carros de 7 lugares: Chevrolet Spin 2025 contra Citroën C3 Aircross.
Ventilador suspenso do C3 Aircross não é muito eficiente Foto: Citroën/Divulgação

O Spin ainda leva a melhor em climatização, já que essa versão LTZ oferece saídas de ar-condicionado para a segunda fileira de bancos. Enquanto isso, o sistema de ventilação elevado do C3 Aircross, que não passa de um ventilador, não ajuda muito.

Comparativo entre carros de 7 lugares: Chevrolet Spin 2025 contra Citroën C3 Aircross.
Porta-malas do Spin tem 553 litros Foto: Chevrolet - Divulgação

Sem o uso da terceira fileira de assentos, o Spin tem 553 litros de porta-malas, enquanto o C3 Aircross tem 493 litros.

Comparativo entre carros de 7 lugares: Chevrolet Spin 2025 contra Citroën C3 Aircross.
Porta-malas do C3 Aircross tem 493 litros Foto: Citroën/Divulgação

Spin de 7 lugares tem mais conforto na terceira fileira de bancos

É preciso deixar claro que em nenhum desses veículos de 7 lugares é possível se ter conforto na terceira fileira de bancos. Em ambos os casos não há muito espaço para as pernas, e o assento é absurdamente baixo em relação ao assoalho, deixando os passageiros com pernas muito flexionadas.

Comparativo entre carros de 7 lugares: Chevrolet Spin 2025 contra Citroën C3 Aircross.
Na terceira fileira de bancos o assento é baixo em relação ao assoalho, impondo uma postura desconfortável aos passageiros Foto: Citroën/Divulgação

No entanto, o Chevrolet Spin tem ligeira vantagem nesse quesito frente ao Citroën C3 Aircross. Ainda é preciso destacar que, em ambos os modelos desse comparativo, o acesso a essa fileira de bancos é bastante desconfortável.

Comparativo entre carros de 7 lugares: Chevrolet Spin 2025 contra Citroën C3 Aircross.
Com a terceira fileira de bancos em uso o Aircross não tem porta-malas Foto: Citroën/Divulgação

Ainda vale citar que, quando a terceira fileira está em uso, o C3 Aircross fica totalmente sem porta-malas, enquanto o Spin 2025 ainda fica com 162 litros. No entanto, o monovolume da Chevrolet peca por ter a terceira fileira inteiriça, enquanto o SUV da Citroën permite retirar os bancos individualmente e de forma simples.

Motor turbo do C3 Aircross proporciona melhor desempenho

O Spin 2025 continua a usar o velho motor 1.8 aspirado, com até 111cv de potência e 17,7kgfm de torque, conjugado a um câmbio automático de 6 marchas. O monovolume acelera até os 100km/h em 11 segundos. O consumo urbano é de 10,5km/l com gasolina e 7,4km/l com etanol. O consumo rodoviário é de 13,4km/l (g) e 9,3km/l (e).

Comparativo entre carros de 7 lugares: Chevrolet Spin 2025 contra Citroën C3 Aircross.
Visual do monovolume da Chevrolet ficou mais atual Foto: Chevrolet - Divulgação

Já o C3 Aircross traz sob o capô um motor 1.0 turbo, com até 130cv e 20,4kgfm, com câmbio automático CVT de 7 marchas. A aceleração até os 100km/h é feita em 9,7 segundos, enquanto a velocidade máxima é de 191km/h. O consumo urbano é de 10,6km/l (g) e 7,4km/l (e). Na estrada os números são 12km/l (g) e 8,6km/l (e).

Comparativo entre carros de 7 lugares: Chevrolet Spin 2025 contra Citroën C3 Aircross.
SUV da Citroën tem visual estiloso Foto: Citroën/Divulgação

No desempenho, o Citroën C3 Aircros leva ampla vantagem, mas, surpreendentemente, o Chevrolet Spin 2025 tem consumo de combustível mais baixo (empate técnico no urbano e vantagem na estrada).

Chevrolet Spin de 7 lugares oferece mais equipamentos

O Spin LTZ 2025 leva vantagem quanto aos equipamentos. O monovolume da Chevrolet oferece a mais 6 airbags (sendo que o de cortina protege até os passageiros da terceira fileira de bancos), ar-condicionado digital com saída para o banco traseiro, faróis em LED, chave presencial, sensores de chuva e crepuscular.

Já o C3 Aircross traz a mais faróis de neblina e monitoramento da pressão dos pneus. Confira abaixo o comparativos com os principais equipamentos de cada modelo:

Chevrolet Spin LTZ
Citroën C3 Aircross Shine 7
6 airbags
4 airbags
Controle de estabilidade
Controle de estabilidade
Sensor de estacionamento traseiro
Sensor de estacionamento traseiro
Multimídia de 11" com espelhamento sem fio
Multimídia de 10" com espelhamento sem fio
Quadro de instrumentos digital de 8"
Quadro de instrumentos digital de 7"
Câmera de ré
Câmera de ré
Chave presencial
-----
Faróis em LED
-----
Ar-condicionado digital
Ar-condicionado manual
Saída de ar para banco traseiro Ventilador suspenso
Sensor de chuva -----
Sensor crepuscular

-----

-----

Faróis de neblina

-----

Sensor de pressão dos pneus

Rodas de 17 polegadas

Rodas de 16 polegadas

Bancos em couro e tecido

Bancos em couro

Quem venceu o comparativo de carros de 7 lugares

A disputa é apertada, mas o Spin LTZ venceu o comparativo contra o C3 Aircross Shine 7. O monovolume da Chevrolet levou a melhor na análise do interior, conforto na terceira fileira de bancos e equipamentos. No entanto, o SUV da Citroën se destacou em quesitos importantes, visual e desempenho.

Mais que apontar um campeão, a ideia do comparativo é fornecer informação para que cada pessoa escolha seu carro de acordo com sua preferência. Lembrando que, se a ideia é comprar um carro de 7 lugares mais barato que isso, o C3 Aircross tem duas versões mais em conta. Se quiser mais, o Spin ainda tem uma versão mais cara, com ênfase em funções semiautônomas.