Testamos o Audi RS Q8 Sportback 4.0, um SUV de 600cv e mais de R$ 1 milhão

Modelo impressiona pelo desempenho esportivo e tecnologias que garantem conforto e segurança, mas tem preço que impede seu acesso a qualquer garagem

Testamos o Audi RS Q8 Sportback 4.0, um SUV de 600cv e mais de R$ 1 milhão Modelo impressiona pelo desempenho esportivo e tecnologias que garantem conforto e segurança, mas tem preço que impede seu acesso a qualquer garagem
NOTA DO VRUM:
Nota VRUM

 

Que tal colocar na sua garagem um SUV verdadeiramente esportivo, recheado de tecnologias, que custa mais de R$ 1 milhão e que, para completar, tem a carroceria pintada em verde cintilante? Se gostou da ideia, se prepare para virar o centro das atenções, pois, onde for, os olhares se voltarão para você. Ou melhor, não se iluda, os olhares serão para o carro. O modelo em questão é o Audi RS Q8 Sportback, um SUV poderoso que traz sob o capô um motor V8 de 600cv e 81,6kgfm de torque máximo. É um veículo com números superlativos, inclusive no preço, que pode chegar a quase R$ 1,4 milhão, caso você queira levá-lo para casa com todos os opcionais. Testamos esse brinquedo de gente grande, que, para muitos, fica só no sonho.

O Audi RS Q8 é o modelo com maior potência da marca, graças ao eficiente V8 biturbo 4.0 TFSI que garante números de performance impressionantes. O modelo compartilha a mesma plataforma e conjunto mecânico do Lamborghini Urus, que teve o motor calibrado para atingir um pouco mais de potência (650cv) e torque (86,6kgfm), que resultam em performance ainda mais afiada. O detalhe é que o modelo italiano chega ao Brasil atualmente por mais de R$ 3,5 milhões.

O Audi RS Q8 impressiona pela esportividade de suas linhas, com a frente imponente e grade ampla

Mas antes de se decidir pelo Audi RS Q8 você não pode ignorar alguns detalhes que são importantes, além do preço. A começar pelas dimensões do SUV grandalhão, que tem 5,01m de comprimento, 2,19m de largura e 1,69m de altura. A distância entre-eixos de 2,99m já deixa bem claro que o espaço interno não é problema. Ou seja, é um carro grande que exige garagem espaçosa e com boa área de manobra para estacionar.

VISUAL Além da cor extremamente extravagante da unidade testada, o Audi RS Q8 chama a atenção também por suas formas volumosas e estilo inconfundível, que remete a outros modelos da marca. A frente do SUV já expõe toda a sua imponência, com ampla grade hexagonal pintada em preto, que abriga as siglas RS Q8 e as quatro argolas símbolo da Audi. Os faróis são full LED Matrix HD, com luz de direção dinâmica. A esportividade da dianteira é reforçada pelas grandes entradas de ar nas extremidades do para-choque e o spoiler, que deixa o carro ainda mais próximo do solo. O capô tem desenho em cunha, com vincos marcantes que também aparecem nas laterais, onde existem detalhes em preto brilhante nos retrovisores e colunas das portas. Na traseira, um friso largo escurecido une as lanternas em LED e quatro saídas do escapamento fazem sobressair o ronco do V8.

Na traseira, lanternas horizontais em LED e as saídas de escape liberam o som do V8

As rodas do RS Q8 também são totalmente compatíveis com o conjunto. São de alumínio, com aro de 23 polegadas e detalhe em preto, calçadas com pneus na medida 295/35. Ao abrir as portas dianteiras, os retrovisores projetam no chão a marca Audi Sport, iluminando a área. Na soleira das portas o nome RS Q8 também aparece iluminado.

ACABAMENTO O SUV tem acabamento primoroso, com couro perfurado nos bancos e couro liso nos painéis das portas e console. Já a parte alta do painel é coberta por material emborrachado, de toque macio. O couro perfurado está presente também no revestimento do volante, que tem ajuste elétrico de altura e distância, desenho esportivo com a base achatada, além dos comandos para acesso ao computador de bordo, sistema de áudio, celular e controlador de velocidade.

O SUV tem formas aerodinâmicas, com 5,01m de comprimento e 2,99m de distância entre-eixos

O painel de instrumentos é todo digital e permite diferentes configurações em sua tela colorida. Nele é possível visualizar o mapa do GPS, que é nativo, além dos indicadores dos sistemas de auxílio à condução como o Audi Pre Sense, manutenção de faixa, sensor de ponto cego e dispositivo que ajuda a estacionar. O painel de instrumentos forma conjunto único em preto brilhante com a central multimídia, que tem tela tátil de 10 polegadas, com rádio, conexão com celular por Android Auto e Apple CarPlay, navegação, acesso a aplicativos, informações sobre o veículo e sistema de som Bang & Olufsen.

O interior tem acabamento sofisticado, com materiais de boa qualidade, além de muita tecnologia

No console, motorista e passageiro têm à disposição a base do carregador de celular por indução e duas entradas USB. O ar-condicionado digital automático de quatro zonas permite que os passageiros do banco de trás regulem a temperatura e ventilação. Pela tela do sistema multimídia o motorista visualiza as imagens da câmera de ré, que traz linhas indicativas. E no painel de instrumentos, na configuração RS Mode, a tela exibe um gráfico das rotações do motor, o percentual da potência e torque que está sendo usado e a pressão do turbo. E se o motorista quiser medir suas habilidades ao volante, conta com dispositivos como medidor de tempo de volta, estatística de volta e medição de aceleração. No RS Mode é possível ainda limitar os parâmetros do controle de estabilidade. No console, por meio do Drive Select, o motorista escolhe entre os modos allroad, efficiency, comfort, auto e dynamic, que ajusta até a altura da suspensão pneumática.

ESPAÇO O Audi RS Q8 tem amplo espaço interno, com bancos dianteiros confortáveis e todos os ajustes elétricos, além de desenho esportivo, abas laterais e sistema de aquecimento e ventilação. O banco traseiro tem muito espaço para as pernas, ajuste longitudinal e encosto reclinável e rebatível. O assento central do banco de trás não é tão confortável, já que o encosto ali é mais duro e o túnel no assoalho deixa as pernas suspensas. Quem senta atrás tem ainda lanternas no teto, cortinas nas janelas, duas entradas USB e uma tomada de 12V. O teto solar panorâmico aumenta a luminosidade no interior do SUV, expondo todos os detalhes.

O banco traseiro tem bom espaço para as pernas, ajuste longitudinal e encosto reclinável erebatível

O porta-malas com volume generoso (605 litros) é todo revestido em carpete, traz duas lanternas, alças para amarração de carga e conta com abertura e fechamento elétrico da tampa, com sistema hands free. Basta dar um chutinho sob o para-choque traseiro para abrir ou fechar a tampa.

DIRIGINDO Mas o grande barato do Audi RS Q8 está sob o capô. O V8 tem muita força e potência, que são despejados de maneira insana. É preciso ter muita atenção e firmeza nos braços, pois o motor responde rápido às acelerações, subindo o giro num piscar de olhos. Se você pisa fundo no acelerador, o sistema biturbo entra em ação e te cola no encosto do banco. E tudo isso ao som do belíssimo ronco do V8, que é um detalhe a parte. O câmbio Tiptronic possibilita trocas manuais de oito marchas nas aletas atrás do volante ou na própria alavanca. E tem ainda aposição S, com mudanças de marchas em giros mais altos. As trocas são suaves, quase imperceptíeis.

No painel, duas telas táteis: uma de 10 polegadas da central multimídia e outra para o controle do ar-condicionado

O SUV tem desempenho verdadeiramente esportivo, apesar do peso (mais de duas toneladas) e das dimensões, com máxima limitada eletronicamente em 250km/h. Mas se você acha pouco, pode pagar R$ 105 mil pelo pacote opcional Dynamic, que acrescenta discos de freio de cerâmica e eleva a máxima para 305km/h. As suspensões pneumáticas foram bem calibradas e garantem total segurança em curvas, com boa estabilidade, além de conforto ao rodar. A direção elétrica foi bem calibrada, com cargas bem definidas, mas o diâmetro de giro grande dificulta as manobras de estacionamento em espaços menores. O sistema de freios com quatro discos ventilados nas quatro rodas, pinças pintadas em vermelho e o auxílio da eletrônica, funciona sem dar sustos.

O modelo traz ainda o Mild Hybrid, um sistema elétrico de 48 volts que ajuda a regenerar energia das frenagens e desacelerações, encaminhando para as baterias de íons de lítio. Essa energia é usada para otimizar o funcionamento do motor, tornando-o mais eficiente e ajudando a reduzir o consumo de combustível.

O painel de instrumentos traz diferentes configurações, mostrando até o percentual de potência e torque que está sendo usado

FAZENDO CONTAS E se você está preocupado com o consumo de combustível do Audi RS Q8, lamentamos informar que no nosso teste as médias registradas foram de 4,1km/l na cidade e 5,9km/l na estrada. Detalhe importante é que a gasolina recomendada para o modelo é a de alta octanagem, que tem preço médio de R$ 7,90 o litro. Para encher o tanque de 85 litros é preciso desembolsar R$ 671,50. Definitivamente, não é um carro para pão-duro. E se você ainda está indeciso na comparação do Audi RS Q8 e o Lamborghini Urus, saiba que a aceleração até 100km/h do modelo alemão é feita em 3,8 segundos, enquanto o italiano faz em 3,6 segundos. Mas os 0,2 segundos certamente não justificam a diferença de preço.

O SUV esportivo é equipado com belíssimas rodas de alumínio de 23 polegadas, com pinças de freio vermelhas

FICHA TÉCNICA

MOTOR (*)
Dianteiro, longitudinal, V8, 32 válvulas, 3.996cm³ de cilindrada, biturbo, a gasolina, com injeção direta de combustível, que desenvolve 600cv a 6.000rpm e torque máximo de 81,6kgfm entre 2.200rpm e 4.500rpm

TRANSMISSÃO (*)
Tração quattro, com câmbio automático Tiptronic de oito marchas

SUSPENSÃO/RODAS/PNEUS (*)
Dianteira, independente, multibraço, com mola pneumática; traseira, independente, multibraço, com mola pneumática/de liga leve, 9 x 23”/ 295/35 ZR23

DIREÇÃO (*)
Do tipo pinhão e cremalheira, com assistência elétrica

FREIOS (*)
Com discos ventilados nas quatro rodas, e assistência ABS/EBD

CAPACIDADES (*)
Do tanque, 85 litros; porta-malas, 605 litros; e de carga útil (passageiros mais bagagem), 700 quilos

DIMENSÕES (*)
Comprimento, 5,01m; largura, 2,19m; altura, 1,69m; e distância entre-eixos, 2,99m

PESO (*)
2.495 quilos

PERFORMANCE (*)
Velocidade máxima de 250km/h
Aceleração até 100km/h em 3,8 segundos

CONSUMO (**)
Cidade 4,7km/l
Estrada 6,8km/l

(*) Dados dos fabricantes
(**) Dados do Inmetro
(g) gasolina; (e) etanol

A cereja do bolo é o motor V8 4.0 litros que despeja 600cv e 81,6kgfm de torque

QUANTO CUSTA
O Audi RS Q8 Sportback 4.0 biturbo é vendido no Brasil por R$ 1.129.990, mas com todos os opcionais chega a R$ 1.352.990.

EQUIPAMENTOS:
DE SÉRIE – Rodas de liga leve 23 polegadas com detalhes em preto, parafusos de roda com proteção antifurto e alerta de roda solta, sistema de controle da pressão dos pneus (TPMS), faróis Full LED Matrix HD com luz de direção dinâmica e apresentação de luzes, luz de condução diurna, lanternas traseiras em LED, sistema de limpadores dos faróis, spoiler do teto RS na cor da carroceria, teto solar panorâmico, cortina de proteção contra o sol nas portas dianteiras e traseiras, bancos esportivos RS revestidos em couro e com ventilação, bancos dianteiros com ajustes elétricos (incluindo lombar), função de memória e aquecimento, sistemas Isofix e Top Tether, banco traseiro rebatível, interior revestido em couro/Alcântara, acabamento interno em fibra de carbono, volante multifuncional com regulagem elétrica, pacote de luzes customizáveis com 30 opções de cores, retrovisores externos com ajuste elétrico, rebatíveis, aquecíveis, antiofuscante e com função memória, ar-condicionado automático de quatro zonas, fechamento das portas servo assistido, porta-malas com abertura/fechamento elétrico e sistema hands-free, cobertura do compartimento de bagagem elétrica, Audi Virtual Cockpit Plus com Layout adicional RS, MMI Navegação plus com MMI touch response, duas entradas USB com função carregamento para área do banco traseiro, sistema de som Bang & Olufsen com som 3D para os bancos dianteiros, Audi smartphone interface, Audi Phone Box light, Audi pre sense, assistente de estacionamento plus, Auto Hold assist, controle de cruzeiro adaptativo, Head-up Display, câmera 360 graus, assistente de mudança de faixa com exit warning e assistente de trafego traseiro, aviso de saída de faixa, escapamento esportivo RS, freios RS com pinças pintadas em vermelho, Audi drive select, suspensão a ar adaptativa e esportiva, diferencial esportivo quattro, eixo traseiro dinâmico, seis airbags, cintos de segurança com sensor de afivelamento e sistema de freio regenerativo, Mild Hybrid, estabilização ativa da carroceria e assistente de estacionamento plus.

OPCIONAIS – Freios de cerâmica RS com pinças de freio em cinza/azul/vermelho e aumento da velocidade máxima para 305 km/h (R$ 105 mil) pintura Audi Exclusive (R$ 40 mil) e pintura Audi Exclusive fosca (R$ 78 mil).