Megane Sedan RT/Alizé 1.6 16V

Fazer Nova Consulta

RENAULT

Ano

2000

Portal Vrum

Renault/Divulgação
Renault/Divulgação

FICHA TÉCNICA
MOTOR
Dianteiro, tranvsversal, quatro cilindros em linha, 16 válvulas, 1.598 cm3 de cilindrada, 110 cv de potência a 5.750 rpm e torque máximo de 15,1 kgfm a 3.750 rpm
TRANSMISSÃO
Câmbio manual de 5 marchas e uma ré; tração dianteira
FREIOS
Discos ventilados na dianteira e tambor na traseira
SUSPENSÃO
Dianteira Independente, tipo McPherson, com triângulo inferior e barra estabilizadora
Traseira Independente, com braços arrastados e duas barras de torção transversais
DIREÇÃO
Do tipo pinhão e cremalheira, com assistência hidráulica
RODAS / PNEUS
De aço, 6 x 15 polegadas / 185/60 R 15
PESO
1.170 kg
TANQUE DE COMBUSTÍVEL
60 litros
EQUIPAMENTOS DE SÉRIE
Air bag motorista e passageiro, apoios de cabeça traseiro, aviso sonoro de luzes acesas, banco traseiro rebatível,imobilizador eletrônico de motor, chave de ignição com comando de travamento central das portas,porta-malas e do
tanque por rádio freqüência, desembaçador do vidro traseiro, direção assistida (hidráulica), fechadura inviolável com giro falso, luzes de leitura no banco traseiro,lanternas de neblina,luz de advertência do cinto de segurança, pré-disposição
para alarme e rádio, terceira luz de freio, vidros verdes, volante regulável em altura
OPCIONAIS
Ar condicionado, banco do motorista com regulagem de altura e lombar, rádio CD com comando satélite no volante e pintura metálica
RENAULT MÉGANE SEDAN RT 1.6 16V X CONCORRENTES
MEGANE SEDAN TOYOTA COROLLA FIAT MAREA CHEVROLET ASTRA PEUGEOT 306 RT 1.6 16V XLI 1.8 16V SX 1.8 SEDAN GL 1.8 SOLEIL 1.8 16V
Potência (cv) 110 116 132 100,5 110
Dimensões (AxBxC) (m) 4,40x1,69x1,43 4,39x1,69x1,41 4,39x1,74x1,42 4,25x1,71x1,43 4,26x1,69x1,38
Dimensões (DxE) (m) 2,58x1,90 2,46x1,90 2,54x1,90 2,61x1,93 2,58x1,88
Porta-malas (litros) 510 390 430 460 465
Velocidade máxima (km/h) 189 180 190 188 192
Aceleração de 0 a 100 km/h (s) 10,6 12 12 11 11,2
Consumo cidade/estrada (km/l) 12,1/15,9 11/14,2 10/13 10/12 8,5/16
A COMPRIMENTO, B
POSITIVO
* Porta-malas
* Espaço interno
* Torque em baixa
NEGATIVO
* Nível de ruídos elevado
* Engates de câmbio imprecisos
* COnsumo
* AVALIAÇÃO TÉCNICA
ACABAMENTO DA CARROCERIA
A pintura contém impurezas, inaceitável para um fabricante. A porta dianteira direita esnivelada em relação à traseira, e o capô possui pequena descentralização em relação aos pára-lamas.
VÃO DO MOTOR
O isolamento acústico é insuficiente quando o motor está em alta rotação. O acesso à manutenção é limitado do lado do painel de fogo (divisória entre o compartimento do motor e o habitáculo de passageiros).A bateria está em local de difícil acesso. A central eletrônica está desprotegida e vulnerável à água e abaixo dela está o modulador do ABS, que pode ser danificado em batida frontal.
ALTURA DO SOLO
É bom o vão livre mesmo com carga total. Interferências leves apenas na zona central do veículo. O cárter e câmbio têm proteção por chapa de aço vazada para melhor ventilação do conjunto.
FREIOS
São eficientes com ABS bem calibrado. Em frenagem de emergência manteve a trajetória.O espaço de frenagem pode ser considerado bom.
CÂMBIO
Os comandos não são macios e falta precisão nos engates, mas as relações de marcha estão adequadas.
MOTOR
De 2.0 litros e cabeçote de 8 válvulas com boa potência e torque. Apesar do torque máximo estar a 4.250 rpm proporciona boa
dirigibilidade a baixo regime no trânsito urbano. As retomadas de velocidade e aceleração satisfazem mesmo com carga total e ar condicionado ligado.
VEDAÇÃO
OK contra água e poeira.
NÍVEL DE RUÍDOS
Sobre pisos irregulares deixa a desejar.
SUSPENSÃO
O conforto de marcha melhorou em relação ao modelo anterior. Também ganhou em estabilidade. Houve grande melhora na
avaliação de balanceamento e distribuição de peso sobre os eixos e cargas laterais ao se retirar totalmente a aceleração no meio de uma curva de baixa velocidade feita no limite de aderência.
DIREÇÃO
É assistida com boa calibragem do sistema. É baixo o esforço em manobras de estacionamento, satisfatório o diâmetro de giro,
porém, a pega do volante é prejudicada pelo desenho dos raios internos. A precisão em retas é boa e é baixa a trepidação do conjunto sobre o piso irregular.
ILUMINAÇÃO
O grupo óptico de boa eficiência tem regulagem elétrica de altura e sua construção é com dupla parábola e os faróis auxiliares de neblina estão inseridos no pára-choque. No habitáculo, a iluminação é satisfatória com uma lanterna na zona frontal do teto e duas menores nas laterais traseiras. Luzes de cortesia somente no porta-luvas e malas. Existe um spot fixo para o passageiro da frente.
ESTEPE/MACACO
Rodas em aço e pneus de mesma medida. A chave de rodas articulada tem proteção para as mãos e os cubos de roda não têm pino guia para facilitar a troca, que não é difícil. Os pontos de sustentação do macaco estão indicados nas soleiras.
LIMPADOR DE PÁRA-BRISA
Ao esguichar água no pára-brisa, as palhetas atuam automaticamente com boa área de varredura. Os comandos estão bem
posicionados.
FERRAMENTAS
Apenas um gancho para reboque de emergência e um pino para tirar a calota central.
ALARME
É por controle remoto inserido na chave de ignição com tecla única, muito fácil de operar, travando e destravando as cinco portas inclusive a de acesso ao tanque de gasolina, porém não sobe os vidros e tem aviso sonoro a cada operação.
* Estas avaliações foram realizadas para o Caderno de Veículos do jornal Estado de Minas pelo Eng.Daniel Ribeiro Filho,da Tecnodan

Fonte: Fabricante