Portal Vrum

Honda/Divulgação
Honda/Divulgação

FICHA TÉCNICA
MOTOR
Dianteiro, transversal, quatro cilindros em linha, 1.590 cm3 de cilindrada, 16 válvulas, com 127 cv de potência a 6.600 rpm e
torque máximo de 14,8 kgfm a 5.500 rpm
TRANSMISSÃO
Câmbio automático de 4 marchas; tração dianteira
FREIOS
Disco na dianteira e tambor na traseira, com ABS
SUSPENSÃO
Independente nas quatro rodas
DIREÇÃO
Pinhão e cremalheira com assistência hidráulica
RODAS / PNEUS
Liga leve 5,5 x 14 polegadas/ 185/65 R 14 8GT
PESO
1.145 kg
POSITIVO
* Conforto
* Acabamento
* Espaço interno
NEGATIVO
* Desempenho
* Relação de marchas
* Ruído do motor
* AVALIAÇÃO TÉCNICA
ACABAMENTO DA CARROCERIA
O acabamento é muito bom, desde a qualidade da pintura até a montagem de todos os componentes, como frisos, espelhos,
guarnições, lanternas, faróis, etc, além de portas, capô e tampa do porta-malas, tudo centrado e nivelado.
VÃO DO MOTOR
Não tem nenhum material isolante acústico no vão do motor, deixando passar muito barulho do motor (que incomoda). A bateria
é específica do Civic, o que pode trazer problemas na manutenção.
ALTURA DO SOLO
Deveria ter chapa protetora para cárter e câmbio, pois com carga máxima raspa levemente a parte central em quebra-molas
mais altos, e a frente em entradas/saídas de garagens acentuadas.
FREIOS
Equipados com ABS, tiveram um bom comportamento dinâmico, principalmente uma boa desaceleração em frenagens de emergência em piso molhado.
CÂMBIO
O câmbio automático de quatro velocidades é controlado eletrônicamente. As relações estão boas para a cidade e estrada,
mas só com carga média. Com carga máxima e ar-condicionado ligado, a troca é constante e o barulho do motor em alta rotação
incomoda muito.
MOTOR
Apesar dos 127 cv, com o torque máximo (14,8 mkgf) a altos 5.500 rpm, na cidade, com carga máxima, mostrou-se fraco, exigindo
sucessivas trocas de marcha e proporcionando retomadas lentas. Só melhora em altas rotações, mas aí o barulho que faz incomoda muito.
VEDAÇÃO
Não foram notados problemas com infiltração de água ou poeira.
NÍVEL DE RUÍDOS
Além do motor, apresentou pequenos ruídos de painel e revestimento, mas esses em níveis aceitáveis.
SUSPENSÃO
A relação estabilidade/conforto é muito boa, dando segurança ao motorista e bem estar aos passageiros.
DIREÇÃO
O volante de bom tamanho e pega (tem regulagem de altura) casa muito bem com o sistema assistido, permitindo precisão em
retas e curvas, tanto vazio como carregado. Além disso tem baixa trepidação e rumorosidade em pisos irregulares.
* Estas avaliações foram realizadas para o Caderno de Veículos do jornal Estado de Minas pelo Eng.Daniel Ribeiro Filho, da Tecnodan

Fonte: Fabricante

ofertas em destaque